quinta-feira, 3 de novembro de 2011

Semi


Com quantos passos se faz um caminho?
Com quantas palavras se escreve uma história?
Quantos sonhos compõem uma existência?
Quantos amores é preciso pra ser feliz?
Quantos gestos pra torná-lo um homem?
Quantas ações pra ser mais humano?


Em quantos medos você se consome
Enquanto se perde no desejo profano?

Quantas lágrimas para suster seu sorriso?
Quantos projetos abandonados em vão?
Quantos amigos deixados no caminho?
Quantos horrores da negra solidão...?
Com quantas cenas construiu seu romance?
Em quantos corpos buscou sua paz?
A vida é uma obra de arte ao alcance
E o universo é a gente quem faz!

O caminho se faz com o primeiro passo
De uma história escrita no silêncio do ser.

Para quantas perguntas não existem respostas?
Para quantas estrelas não há universo?
Para quantos olhares só o silêncio de morte
Para quantos poemas nem mesmo um verso?
Quantas orações suspensas no “entrelugar”
Entre o amor calado e o medo de falar?
Quantos enredos no tempo esquecido
Nas muralhas do eterno-proibido?


- A vida é uma ciranda de perguntas
- E viver é desconstruir as respostas.

14 comentários:

  1. Me lembrou Luis F Verissimo ,

    "Quando a gente acha que tem todas as respostas,
    vem a vida e muda todas as perguntas ..."

    Lindooooooo ! Beijo no seu coração :)

    ResponderExcluir
  2. Com quanta vontade se consegue viver, né, flor?

    Lindo.

    Um beijo.

    ResponderExcluir
  3. Daniela,
    Deixou-me muito feliz por meu poema lembrar-lhe Luis F. Veríssimo... principalmente porque sou apaixonada pela obra dele. Obrigada!

    Beijo grande, linda!

    ResponderExcluir
  4. Luna,
    Tem razão! É preciso ter muita vontade pra continuar a viver. Amei sua frase!!!

    Beijo

    ResponderExcluir
  5. Na vda , existem perguntas e a maioria delas sem respostas !
    Todos os dias , paro e me faço perguntas , mas a maioria delas são tão intensas que não sei onde achar as respostas ..
    Monotonia , estabilidade , ou até uma vida cheia de agitos nos permite fazer várias reflexões de nossa exitencia !
    Parabéns , por escrever poemas tão ntensos (:

    ResponderExcluir
  6. Linda Ju....
    A sua sensibilidade a torna muito especial. A vida é assim mesmo: uma ciranda em movimento. Só precisamos aprender a ser feliz a cada fase, a cada cor.

    Beijo grande

    ResponderExcluir
  7. Ainda estou aprendendo a viver assim !
    brigada e beijos

    ResponderExcluir
  8. As vezes ter muitas pessoas ao redor nao ajudam pois metade dessas pessoas querem algo que voce tem a oferecer e não te dar forças pra continuar !

    ResponderExcluir
  9. É Toni... Viver é uma descoberta. Por isso, um dia de cada vez. Mas se precisar de amiga ao longo do caminho, sabe onde me achar.
    Beijos

    ResponderExcluir
  10. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  11. A vida e assim msm, temos q procurar as resposta para tantas perguntas. Mais às vezes não sabemos a resposta certa para cada pergunta, e temos que correr atrás dos únicos amg que restou pelo caminho da vida, os que restaram foi os verdadeiros. Já passei por isso!! Seu poema me fez lembra varias coisas que aconteceu na minha vida.. Parabéns pelo poema! Bjos. =)

    ResponderExcluir
  12. '[..]Quantos sonhos compõem uma existência?[...] Quantos amigos deixados no caminho?[...]', certo dia um certa pessoa(Gilvania Souza) me falou algo semelhante:
    ' não deixe de correr atrás dos seus sonhos, não importa como eles sejam, faça-os valer a pena', tomei isso como uma lição de vida, que hoje me faz muito bem...
    Ótimo poema, beijos
    ;^)

    ResponderExcluir
  13. Bela lembrança Vitor Hugo! Realmente todos os sonhos valem a pena, mas não deixemos pessoas importantes à beira do caminho... por isso levo você e meus outros amigos... comigo.

    Beijo

    ResponderExcluir
  14. Sem dúvidas, 'pessoas importantes sempre estão conosco'...

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...