terça-feira, 3 de julho de 2012

Tempus,i

Por um tempo

Saudade
vontade
um terço
um meio
:metade!

Na lu'alma
que meu Ser
invade.



solidão
imensidão:
do Ter
do Ser
do Querer!

Do Leste
Fecundando a vida
ao amanhecer.


   * todos os direitos reservados  

5 comentários:

  1. Fecundas são tuas palavras, que dão sentido a um sentimento inenarrável e que nos consome: Saudade! Mas apenas sentimos saudade se já vivenciamos um sentimento de amor maior... e então, apesar do aparente sofrer, amamos. O que é privilégio de poucos. E se hoje somos metades, no amanhã tudo pode ser inteiro. Bjs

    ResponderExcluir
  2. Muito sensível. Poucas palavras e uma bela poesia.
    bjs.

    ResponderExcluir
  3. Fez sol por aqui num Recife nublado.

    ResponderExcluir
  4. Tão lindo seu verso...
    Um beijo
    Denise

    ResponderExcluir
  5. Com solidão , com rumo ou sem rumo .

    Beijos ,saudades daqui =)

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...