sábado, 28 de setembro de 2013

Volta

Caminho por outros caminhos. Habito em outros silêncios. 
Já quis voltar...mas, não existe porto, nem estrada...nem caminho de volta.
As folhas secas tocam os meus pés cansados - não da caminhada- e sim do que ela me trouxe:
o deserto da lua,
tantas vidas vazias,
paisagens semi-nuas
e tantas tardes frias!
Procurei por você em tudo isso! Em cada estação, em cada amanhecer...
No corpo que adormece a meu lado... E na esperança, pequena, atrás da porta a se esconder...
Não encontrei você em nenhum desses lugares:porque você não estava lá fora!
- Sempre esteve - intocável- dentro de mim, como outrora!


                                                                    todos os direitos reservados  

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...